Eatratégia ODS realiza palestras para alunos da Universidade Presbiteriana Mackenzie

A Estratégia ODS realizou duas palestras para a Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, que desenvolve uma atividade denominada Cidades Inteligentes Ciclo I. Os alunos calouros, têm na disciplina de Ciências...

A Estratégia ODS realizou duas palestras para a Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, que desenvolve uma atividade denominada Cidades Inteligentes Ciclo I. Os alunos calouros, têm na disciplina de Ciências Tecnologia e Sociedade, uma atividade que corresponde ao desenvolvimento de uma ideia apoiada em um dos 17 objetivos da ONU, com a intenção de possibilitar uma melhora no cotidiano das cidades.  

A temática das palestras foi sobre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A ideia é motivar e estimular os acadêmicos no desenvolvimento de ideias que possam ser pensadas para as cidades. Essas ideias devem estar alinhadas a um ou mais dos 17 ODS. 

No total, houve a participação de 105 participantes entre as duas palestras. São alunos calouros e docentes dos seguintes cursos:

  • Engenharia Civil
  • Engenharia Elétrica
  • Engenharia Mecânica
  • Engenharia de Materiais
  • Engenharia de Produção
  • Química

De acordo com Renato Meneghetti Peres, professor do curso, ““Em  2021, a Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie reestruturou ações que pudessem trazer atividades desafiadoras aos calouros. Por isso, é de fundamental importância, atualmente, a compreensão de como os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável ODS) da ONU estão alinhados com a agenda 2030 das cidades. A palestra realizada pelo Thiago Battaglini, coordenador do Projeto de Fortalecimento da Estratégia ODS, no dia 19 de agosto, foi uma excelente oportunidade para a clareza de como as cidades têm enfrentado diversos desafios e como podemos identificar possíveis maneiras de propor soluções alinhadas aos ODS. A trajetória acadêmica alinhada, também, aos ODS permite aos acadêmicos desenvolver uma visão futura para as cidades que desejamos.”